Raul Roger é o rei do Park

Marcos Hiroshi

Raul Roger o campeo do DC King of the Park. Ollie passando o canion.

A primeira edição do DC King of the Park superou as expectativas. Só de ver a lista de skatistas inscritos foi suficiente para saber que o evento seria histórico.

Dividindo a mesma área de competição pudemos ver a inédita reunião de nomes como Bruno Brown, Marcelo Formiguinha, Sandro Dias, Alex Carolino, Daniel Kim, Murilo Peres, Diego Fiorese, Carlos de Andrade, Jorge Kuge, Sandro Sobral, Biano Bianchin, Otavio Neto, Mauro Mureta, Allan Mesquita, Dan Cesar, Marcio Tarobinha, Rony Gomes e muitos outros.

A grande variedade de obstáculos da área permitiu uma reunião saudável entre skatistas de diferentes estilos, com uma diversidade de manobras, além do alto nível da competição, quesitos apreciados e aplaudidos pelo grande público que compareceu na Pista pública de Skate do Pavilhão, em São José dos Campos, no dia 24 de agosto.

Marcos Hiroshi

Carlos de Andrade terminou em 8lugar na final. Ollie to smithgrind.



Após a realização da fase eliminatória com 48 competidores, os 16 melhores disputaram a semifinal para ver que seriam os 8 top finalistas. Foram eles: Murilo Peres, Felipe Foguinho, Raul Roger, Allan Mesquita, Sandro Dias, Carlos de Andrade e Otavio Neto.

O curitibano Carlos de Andrade, bicampeão do DC King of Mini Ramp, mostrou toda sua versatilidade na final disparando uma sequência de manobras de alto nível por toda a área, finalizando com um inédito backside biggerspin, finalizando em 8º lugar.

O sétimo colocado foi a prata da casa, Otavio Neto.  Skatista local de São José dos Campos contou com o apoio do público, abusou da velocidade e arriscou bastante. Destaque para o seu backside nosegrind passando a trave sobre o canion, que mais parecia uma trave de futebol.

Um dos mestres do "Park" brasileiro, o carioca Allan Mesquita mais uma vez mostrou toda a sua base na transição. Miller flip transfer e sua sequência de áreos e manobras de borda lhe renderam mais uma grande final na carreira: sexto lugar.

O quinto lugar ficou para Felipe Caltabiano, o Foguinho. Um dos skatistas mais explosivos da competição. Seus aéreos monstruosos ignoravam os cotovelos da área, além de apresentar um estilo seguro e muita base nas manobras. 

Além de apresentar alto nível na megarrampa e no half pipe, Rony Gomes mostrou que mantém o alto nível em qualquer tipo de terreno. Utilizou toda a área, variou bastante as manobras entre aéreos e bordas, conquistando um ótimo quarto lugar na competição.

Após a construção de seu bowl particular, Sandro Dias está cada vez mais afiado neste tipo de obstáculo. Uma das apresentações mais velozes da competição, Sandro foi o skatista mais aplaudido na final. Os seus 540 e very varial no quarter, e methods no cotovelo faziam a arquibancada ir a loucura. A bela apresentação lhe rendeu o terceiro lugar no pódio.

Marcos Hiroshi

Murilo Peres destruiu a pista em todas as fases da competio. Frontside ollie alley up do quarter para o wallride.

Durante a competição, dois nomes foram se destacando: Raul Roger e Murilo Peres. Dois skatistas da nova geração que apresentaram um nível de deixar o skate brasileiro orgulhoso.

Murilo Peres destruiu a pista em todas as fases da competição. Fluidez e a conexão de manobras impactantes como o seu ollie to frontside disaster e frontside ollie alley up do quarter para o wallride, além de dominar a perigosa trave sobre o canion lançando boardslide, smithgrind e um perigoso backside boardslide, lhe renderam o segundo lugar no campeonato.

Momentos antes do anúncio do resultado da final, Raul Roger já estava feliz com sua apresentação e soltou o seguinte depoimento nas redes sociais: "Galera acabei de correr a final do DC King of the Park. Estou muito feliz por ter atingido minha meta. Foi um campeonato realmente muito emocionante e bonito. Agradeço ao apoio do meu pai, da minha namorada e meu amigo Simão, esses me ajudaram muito. Agradeço também a todos os presentes que vibraram e deixaram o campeonato mais bonito. Parabéns DC pelo grande campeonato! Agora aguardo para saber quem foi o King of the Park".

E o rei em São José dos Campos foi Raul Roger. Foi o skatista que melhor aproveitou a área, mesclou muito bem as manobras de aéreos e bordas. Velocidade e altura nos áereos também eram um dos diferenciais de Raul. Para se ter uma idéia, seus mctwists no quarter tinham mais de 2 metros de altura.

Após a anúncio de sua conquista Raul comemorou: "Ganhei galera. Obrigado a todos! O campeonato foi animal! Obrigado a todos que acreditam em mim."

Marcos Hiroshi

Festa no pdio da final do DC King of the Park 2013.


Final do DC King of The Park 2013:

1º Raul Roger 
2º Murilo Peres
3º Sandro Dias
4º Rony Gomes
5º Felipe Foguinho
6º Allan Mesquita
7º Otavio Neto
8º Carlos de Andrade 

DC King of the Park 2013